Carrinho de Compras

O carrinho ainda está vazio

Os Paiva Freixo e a indústria de fundição de ferro em Crestuma

Solar Condes de Resende

Quinta-feira, 30 de janeiro – 21,30 horas

Palestra das últimas Quintas-feiras

Os Paiva Freixo e a indústria de fundição de ferro em Crestuma

Quando se fala de fundição de ferro em Vila Nova de Gaia vêm-nos á memória as fábricas de Crestuma, mais concretamente a de Jerónimo Pinto de Paiva Freixo, a qual tendo começado a trabalhar antes de 1840 chegou em funcionamento até às últimas décadas do século XX. Quem foi Paiva Freixo? Quais as origens da fundição em Crestuma? Onde aprendeu Paiva Freixo esta arte? A estas e outras questões tentaremos responder ao longo desta apresentação.

Mas outras fundições existiram temporariamente na dita freguesia, como foi o caso da de Joaquim Francisco da Silva, fundada em 1874; a firma Lopes & Irmão em 1890, Jacinto Fernandes da Costa em 1891 ou a de Abílio Pinto de Almeida no ano de 1913. Nenhuma delas laborou tanto tempo como a fundada por Manuel José das Neves, continuada por seu genro Jerónimo Pinto de Paiva Freixo, depois por Constância da Silva, por seu filho e depois seus netos que por mais alguns anos continuaram a tradição familiar de fundição de ferro na freguesia de Crestuma.

pela Mestra Maria de Fátima Teixeira

entrada livre 

 

Loja Online

10,00 € cada
10,00 € cada
10,00 € cada
60,00 € cada
20,00 € cada